Tag Archives: lesões

Saiba mais sobre as lesões de Gabriel Jesus

por Eliseu Buccioli – Crefito 171636 F

No mês passado o jogador Gabriel Jesus, camisa 9 da Seleção Brasileira de Futebol, completou 1 ano defendendo o Manchester City. Os expressivos números neste início de sua trajetória no clube inglês contrapõem as duas sérias lesões que o atacante sofreu neste período. Vamos entender um pouco sobre elas.

No dia 13 de fevereiro de 2017 sofreu uma fratura no quinto metatarso do pé direito, o que o obrigou a realizar uma cirurgia que o deixou afastado dos gramados até dia 27 de abril do mesmo ano.
Esse tipo de fratura ocorre frequentemente junto com uma entorse no tornozelo, especialmente quando o tornozelo está em rotação interna.


A fratura também pode ocorrer devido a uma aterrissagem de mau jeito após um salto (especialmente em superfícies irregulares) ou devido a uma queda ou depois de uma pancada direta sobre o pé externamente. Com maior frequência em esportes como o futebol, rugby, basquete e dança, esportes que envolvem mudança de direção, se corre ou salta.

• Fraturas por avulsão: Em uma fratura por avulsão, um pequeno pedaço de osso é arrancado por um tendão ou um ligamento. Este tipo de ruptura é muitas vezes a conseqüência de uma entorse de tornozelo.Da mesma forma pode se verificar uma fratura no maléolo fibular. A fratura por avulsão é muitas vezes negligenciada (não tratada) quando ocorre durante um entorse no tornozelo, especialmente em crianças.

• Fratura de Jones: A fratura de Jones ocorre em uma pequena área do quinto metatarso que recebe menos sangue (na base ou epífise proximal) e portanto cura mais lentamente. Uma fratura de Jones pode ser uma lesão de stress (muitas microfraturas repetidas) ou uma ruptura aguda (traumática). Essas fraturas são causadas pelo uso excessivo, trauma ou esforço repetitivo. São fraturas menos comuns e mais difícil de tratar do que uma avulsão.

• Fratura por estress: A fratura por estresse afeta principalmente pacientes jovens e atletas, especialmente no início da temporada. Os pacientes podem queixar-se de dor na base do quinto metatarso e podem haver equimose e inchaço no local da fratura. Além disso, os pacientes relatam ter sentido já desconforto e dores na base do quinto metatarso nos mês anteriores.
O período de previsão pode variar de semanas a meses antes da apresentação da fratura. Outros tipos de fratura do quinto metatarso podem ocorrer, tais como a fratura “Central” que geralmente deriva de trauma ou entorse e as fraturas na cabeça e no pescoço dos metatarsos.

Logo após voltar desta lesão, Gabriel Jesus que já era parte importante da boa campanha do Brasil de Tite nas eliminatórias da Copa do Mundo da Rússia em 2018, em junho de 2017 em um choque com um companheiro de equipe, no amistoso contra a Argentina, sofreu uma nova fratura, desta vez no rosto. De início era previsto uma pequena cirurgia para reparação da fratura na órbita esquerda, mas após exames mais detalhados foi descartada.

Com o fim da temporada europeia o jogador se apresentou normalmente em agosto do mesmo ano. Devido às lesões apresentadas e a recuperação de seu concorrente ao ataque Sergio Aguero, que recuperara a boa fase, Gabriel Jesus virou reserva da equipe de Pep Guardiola, porém, um número importante foi que o jogador ficou um ano sem perder partidas oficiais, desde Outubro de 2016, derrota do Palmeiras para o Santos, até dezembro, quando o Manchester City perdeu para o Shaktar na Ucrânia.

No último jogo de 2017 o atacante sofreu uma entorse no joelho esquerdo em um lance sozinho, a princípio a preocupação era que a lesão fosse no ligamento cruzando anterior do joelho, o que se fosse, obrigaria a ficar pelo menos seis meses afastado dos gramados, e provavelmente perderia a Copa do Mundo. Porém, após a realização de exames e consulta com um médico da confiança de Guardiola, o mesmo que tinha operado seu pé no início do último ano, e foi constatado que a lesão foi no ligamento colateral medial do joelho esquerdo.

Seu prazo de recuperação foi divulgado na última semana, onde o treinador disse que nas próximas duas ou três semanas o jogador estará liberado para treino.

Quem acompanha o jogador nas redes sociais, tem visto com frequência Gabriel usando uma espécie de controle, muito parecido com de Playstation, o aparelho tem ajudado o jogador na recuperação e despertado a curiosidade de seus seguidores. Falaremos sobre isso na semana que vem!

Leave a Comment

Filed under Reflexões